Hoje é 19/07/19 - Dia da Caridade; Dia da Junta Comercial; Dia do Futebol;


26/04/2019
Guia publicação no github

Um breve guia passo a passo do uso do git e github.

Primeiro selecione seu projeto e abra seu terminal na pasta raiz de seu projeto.

1.    Verifique a versão instalada do Git

git --version

Se não mostrar a versão do git, então vá ao site oficial do git e faça o download do git de acordo com seu sistema operacional.

2.    Se você está configurando seu git pela primeira vez, você pode configurar seu git com seu nome e seu email.

git config --global user.name "Seu Nome"

git config --global user.email "Seu Email"

3.    Inicie o repositório Git

git init

Nota: Na pasta raiz do seu projeto

It initializes the git repository in local project & will make .git folder that contain important folders and files.

4.    Marque os arquivos no repositório git.

Existem três passos:

Passo 1 : Nós precisamos adicionar o arquivo a area de preparação.

git add      {{Para arquivo único }}

git add .               {{Para todos os arquivos no diretório atual }}

Nota: No lugar de   adicione seu arquivo e se você quiser que todos sejam selecionados no diretório atual, então use {{ . }} or {{ * }}

Área de preparação: Área de preparação é aquela área onde podemos marcar alguns itens e colocá-los no balde .

Para checar se os arquivos foram adicionados ou não, use o comando abaixo:

git status

Passo 2 : Enviar um arquivo para o repositório git e escrever uma mensangem de envio.

m = messangem

git commit -m "Primeiro Commit"

Nota : Dentro das “ Aspas Duplas” você deve escrever sua mensagem.

Passo 3 : Envie o arquivo ao repositório remoto. {{Github}}

Agora crie sua conta no git-hub e crie um repositório.

Para adicionar arquivos ao seu repositório remoto, use isto:

git remote add origin git@github.com:"Usuário_no_github"/"nome_do_Repositorio"

Nota: Este comando acima é um único comando, embora necessite que você coloque o seu nome de usuário do git-hub (sem quaisquer aspas) e coloque o nome do seu repositório (sem as aspas).

Como por exemplo abaixo

git remote add origin git@github.com:XYZ/project.git

E se você não entender isso, vá para o seu repositório no git-hub e clique no botão clone ou download e copie url com o método SSH..

Para checar o envio:

git remote -v

5.    Crie uma chave SSH.

Porque nós usamos SSH?

Usando o protocolo ssh, podemos nos conectar e autenticar em servidores e serviços remotos. Com as chaves ssh, podemos nos conectar ao GitHub sem fornecer nosso nome de usuário e senha em cada visita com a ajuda da frase secreta.   No método HTTPS, você precisará preencher nosso nome de usuário e senha em cada visita, o que será muito inconveniente. O Git associa um URL remoto a um nome e nosso controle padrão geralmente é chamado de "Origin".

5.1.         Gerando uma nova chave ssh e adicionando ao agente ssh

ssh-keygen -t rsa -b 4096 -C "email"

Nota: Adicione seu email dentro das “aspas duplas”.

Isto cria uma nova chave ssh usando o email fornecido como rótulo.

5.1.1.    para o arquivo padrão pressione {{ ENTER }}

/home/{{username_of_pc}}/.ssh/id_rsa: ENTER

5.1.2.    digite uma senha.

5.1.3.    agora sua identificação está salva.

Private Key : /home/{{username_of_pc}}/.ssh/id_rsa

& Public Key : .ssh/id_rsa.pub

5.2.         adicionando sua chave ssh ao agente ssh

eval "$(ssh-agent -s)"

it gives like {{agent_id : 15800}}

5.3.         agora nós adicionamos a chave ssh privada ao agente ssh no diretório padrão.

ssh-add ~/.ssh/id_rsa

5.4.         adicionando uma nova chave ssh a nossa conta do github.

Copie a chave ssh para a área de transferência.

5.4.1.    método automático (usando  Xclip)

On Ubuntu

sudo apt-get install xclip

on Manjaro

Open Octopi -> Download Xclip

Xclip-set clip <~/.ssh/id_rsa.pub

5.4.2.    método Manual

Home/.ssh/id_rsa.pub

Abra este arquivo e copie sua chave ssh.

Agora vá no github.com >> Selecione sua foto do Perfil (Drop Down) >>  Definições >> Use a barra Lateral {{ SSH & GPG Keys }} >> Então vá ao diretório em seu computador {{Home/.ssh/id_rsa.pub}}
Abra este arquivo e copie sua chave ssh.

Crie uma nova chave ssh >> Create new SSH key >> Adicione um título e preencha com uma descrição >> Cole sua chave dentro do campo “chave” >> Clique em {{ Adicionar chave SSH }}

5.5.         agora para testar a conexão ssh.

ssh -T git@github.com

Depois de executar isto, será mostrado esta mensagem abaixo no terminal!

Hi {{ USERNAME }}! You've successfully authenticated but github does not provide shell access.

6.    envio Final 

git pull --rebase origin master

git push origin master

Nota : Altere ‘master’ para qual ramo deseja enviar.

Agora você pode enviar com sucesso seu arquivo para o servidor remoto e tem uma conexão ssh configurada.

Para checar a conexão

git log

7.    alguns outros conceitos do git

Existem conceitos que podem ajudá-lo a entender o git mais profundamente.

7.1.         Crie um novo ramo.

git checkout -b Branch_name

Se você deseja alternar para o ramo principal.

git checkout master

Se você deseja apagar o ramo.

git branch -d Branch_name

7.2.         atualizar e mesclar.

Para atualizar seu diretório local do envio mais atual

git pull

Para mesclar outro ramo no ramo ativo.

git merge

Nos dois casos o git tente mesclar automaticamente as alterações. In both cases git tries to auto-merge changes. Infelizmente isso nem sempre é possível e os resultados estão em conflitos.

Podemos mesclar esses conflitos manualmente editando os arquivos mostrados pelo git.

git add

Antes de mesclar podemos visualizar as alterações.

git diff

7.3.          marcação.

Nós podemo marcar (linha 1.0.0)

git tag 1.0.0 {{1b2eld63ff}}

Nota : {{ this is the first 10 characters of commit id. }}

7.4.         Git Log.

Pelo Git Log nós podemos estudar o histórico do repositório.

Avançado :

7.4.1.    Olhar apenas os envios de certo perfil.

git log --author

7.4.2.    Log muito comprimido.

git log --pretty=oneline

Formato mais amigável

git log --pretty=format:"%h - %an, %ar : %s"

7.4.3.     Só mostrará os arquivos que mudaram.

git log --stat

7.5.         subistituir as alterações locais.

git checkout --filename

 (se fizermos algo errado) então isso irá substituir o arquivo pelo último conteúdo no HEAD.

Se quisermos descartar todas as alterações e confirmações locais, obtenha o histórico mais recente do servidor.

git fetch origin

git reset --hard origin/master

7.6.         nunca esqueça de criar seu arquivo .gitignore .

Arquivo Gitignore: É um arquivo que especifica os arquivos ou pastas que queremos ignorar.

Existem várias maneiras de especificar:

Em primeiro lugar, você pode especificar pelo nome do arquivo específico. Aqui está um exemplo, digamos que queremos ignorar um arquivo chamado readme.txt, então só precisamos escrever readme.txt no arquivo .gitignore.

Em segundo lugar, podemos também escrever o nome da extensão. Por exemplo, vamos ignorar todos os arquivos .txt e, em seguida, escrever * .txt.

Existe também um método para ignorar uma pasta inteira. Digamos que queremos ignorar a pasta chamada test. Então podemos apenas escrever teste/ no arquivo.

8.    Dicas úteis

8.1.         construa no gui git.

gitk

8.2.         Use a saída colorida do git.

git config color.ui true

8.3.         Use a adição interativa.

git add -i


Artigo traduzido a partir de https://hackernoon.com/step-by-step-guide-to-push-your-first-project-on-github-fec1dce574f